Polícia ainda não divulgou informações sobre as investigações do caso

O principal suspeito do assassinato de Jurema Feitosa da Silva, de 51 anos, Paulo Iran da Cunha Mendes, que era companheiro da vítima, encontra-se foragido uma semana depois do crime ocorrido no município de Carolina, no sul do Maranhão. A polícia não divulgou informações sobre as investigações sobre o caso. A família de Jurema continua fazendo campanha nas redes sociais à procura de informações sobre o paradeiro do suspeito. VEJA MAIS SOBRE O CASO

O corpo de Jurema Feitosa foi localizado por familiares, por volta das 17 horas do domingo (20), nas proximidades da BR-010 e da Cachoeira do Dodô, no município de Carolina, no sentido Estreito. Conforme o Termo de Depoimento do Boletim de Ocorrência Nº 1685/2019, registrado na Delegacia de Estreito e encaminhado ao delegado Henrique Tanaka, de Carolina, Magno Galvão Feitosa, informa que Paulo Iran é agressivo e que não tinha a confiança da família da vítima.

Familiares divulgam nas redes sociais fotos de Paulo Iran e os telefones (99)98838.0165, (99)98445.2578 e (99)98854.5760 para que quem tenha informações sobre o paradeiro de Paulo Iran possa ajudar a elucidar o caso.

LEIA TAMBÉM: MARANHÃO: Mulher desaparece em Carolina e família suspeita de namorado

Categories: ESTADO