PF inicia inquérito ouvindo depoimento do prefeito reeleito

Por determinação da Procuradoria Regional Eleitoral do Maranhão, do Ministério Público Federal, o prefeito de Carolina, Erivelton Neves, da Renovação, é investigado pela Polícia Federal por operações financeiras que configuram Caixa 2 na campanha Eleitoral de 2020 que o levou à reeleição.

O Procurador Geral Eleitoral, Juraci Guimarães Junior, em 18 de março, determinou que a Polícia Federal do Maranhão instaure inquérito para investigar eventual prática de crime eleitoral e que realize diligências, que serão iniciadas pelo depoimento de Erivelton Neves. VEJA DOCUMENTO ABAIXO

Erivelton Neves foram diplomado prefeito no último dia 17 de dezembro. Conforme os autos do processo, foi juntado farta documentação que comprovam os crimes eleitorais praticados pela dupla reeleita e que podem levar à cassação de seus diplomas e a correspondente perda dos mandatos.

LEIA TAMBÉM: CAROLINA: Justiça Eleitoral tem farta comprovação de Caixa 2 e pode cassar mandato de Erivelton 

Categories: CAROLINA ESTADO