A Operação Descalabro da Polícia Federal realizada nesta quarta (09), com autorização do ministro do STF Ricardo Lewandowski, e que cumpre 27 de mandados de busca e apreensão na cidade de São Luís e no interior do Maranhão por conta de suposto desvio de recursos federais para o combate à covid-19, com origem em emendas parlamentares do deputado federal Josimar de Maranhãozinho (PL), pode alcançar o prefeito de Carolina, Erivelton Neves, também do PL. Em 28 de abril, a Prefeitura de Carolina recebeu R$ 2,5 milhões de emendas dos deputados Josimar e Pastor Gildenemir Lima, também do PL. (VEJA ABAIXO).

LEIA MAIS: CAROLINA: Extrato de pagamento do FNS comprova emendas de R$ 2,5 milhões para Saúde

Conforme nota divulgada pela Polícia Federal no início da manhã desta quarta, a Operação Descalabro foi iniciada quatro meses atrás, apurando que deputado destinou emendas parlamentares, no montante R$ 15 milhões, para os municípios do interior do Estado do Maranhão. Os Fundos Municipais de Saúde, ao receberam os recursos, firmaram contratos fictícios com empresas “de fachada”, pertencentes ao parlamentar. Posteriormente essas empresas efetuaram saques em espécie e o dinheiro era entregue ao parlamentar.

Ainda segundo a PF, quatro meses atrás, conseguiu-se não apenas constatar os desvios, como também acompanhar os saques e realizar o registro de áudio e vídeo da distribuição dos valores no escritório regional do parlamentar.

CAROLINA. Em 16 de maio, o CIDADE EM AÇÃO publicou documentos que comprovam o recebimento nas contas da Secretaria Municipal de Saúde dos R$ 2,5 milhões das emendas parlamentares. Na época, constatou-se que, conforme o Portal da Transparência, o dinheiro total das emendas foi depositado numa agência do Banco do Brasil, localizada Q SAUN QUADRA 5 LOTE B TORRES I, II E III, na Asa Norte, de Brasília (DF) – que funciona como um intermediário que recebe o recurso e repassa-o para os favorecidos finais. No caso de Carolina, o BB Brasília transferiu para o BB Carolina.

Procurado pelo CIDADE EM AÇÃO na manhã desta quarta para falar sobre o assunto, o secretário municipal de Saúde, Leonardo de Souza, não retornou as mensagens.

ABAIXO O DETALHAMENTO DO PAGAMENTO DAS EMENDAS PARLAMENTARES PARA CAROLINA.

CAROLINA: Extrato de pagamento do FNS comprovam emendas de R$ 2,5 milhões para Saúde
CAROLINA: Extrato de pagamento do FNS comprovam emendas de R$ 2,5 milhões para Saúde

Categories: CAROLINA ESTADO