Cidade Em Ação
Powered by Conduit Mobile

DESSA ÁGUA JAMAIS BEBEREI... Destaque

  • Quarta, Fev 19 2014
  • Escrito por  Adriano Oliveira
Onde estão aqueles que faziam manifestações, passavam horas no rádio e nas ruas Onde estão aqueles que faziam manifestações, passavam horas no rádio e nas ruas Foto: Divulgação

A culpa é do CESTE, ou do governo anterior, da Marca Florestal, do Pedro Iran... alguém tem que ser o bode expiatório na história

 

Fico imaginando o que passa na cabeça de certos politicos, quando acontece isso na cidade que ele jurou de pé junto defender e ajudar, temos algumas alternativas possíveis e imagináveis, no mínimo.

1. Ah! antes eles do que eu.
2. Minha casa tem uma caixa d'água com 10 mil litros...mas não comentem com ninguém.
3. Má rapaz, o lago da UHE tá pertinho, tem a Bacada, o Lava Cara... eita povo que reclama.
4. Em ultimo caso, cada um comprou um carrão e pode ir pra Pecra Caída, Itapecuru e outro banho pra se refrescar.
5. Enfim...a culpa é do CESTE, ou do governo anterior, da Marca Florestal, do Pedro Iran...alguém tem que ser o bode expiatório na história.
6. Eita porra! as palmeiras imperiais (paraguaias) vão acabar secando e morrendo...ah! mas os turista ja se foram mesmo.
7. E prá terminar...adoro tomar banho de piscina em dias quentes...

Ironias à parte, assim não dá pra continuar. Onde estão aqueles que faziam manifestações, passavam horas no rádio e nas ruas bradando por melhores dias e pelo fim de uma situação ruim e opressora e injusta? Respondo: calaram-se pois o que queriam era uma oportunidade para encher os bolsos de dinheiro e "tirar o pé da lama".

Os vereadores que em campanha prometeram estar do lado do povo, estão pondo o povo de lado e se deixando levar por diárias e estratégias políticas que favoreçam a sim e aos seus ( a carapuça cabe em quem for de direito rsrsrs). "Nobres colegas...vamos vamos fazer um projeto de lei pra mudar o nome do caminho que liga o matadouro ao posto Maravilha".

Os assessores políticos, putz esses não sentem falta de água, ou estão "nas águas" ou tem água em abundância em abundância em casa ou na fazenda.
Mas temos o SAAE, Serviço Anacrônico de Água e Desgosto, esse coitado nem dinheiro tem pra por hidrômetros nas residências... mas o que fazer, se não tem água para fiscalizar e distribuir?

Mas alguém que pode nos oferecer uma resposta pessoalmente ou nas redes sociais deve ser nosso representante legal, nosso baluarte, nosso chefe so executivo, que nos representa e nos defende diante dos flagelos sociais: fome. sede, desemprego, falta de renda, falta de saúde etc etc etc....

Ninguém curte aquela clássica música: Lata d'água na cabeça, lá vai Maria, Lá vai Maria...mas, ela é símbolo do sofrimento de quem não tem o maior bem natural que temos direito e não pode nos ser tirado por ninguém ou pela incompetência de ninguém.

Lata d'água na cabeça,
Lá vai Maria. Lá vai Maria:
Sobe o morro e não se cansa.
Pela mão leva a criança.
Lá vai Maria.
Maria, lava roupa lá no alto
Lutando pelo pão de cada dia,
Sonhando com a vida do asfalto
Que acaba onde o morro principia

Ler 2811 vezes
Avalie este item
(0 votos)
Publicado em Adriano Oliveira

Conecte-se conosco

Style Setting

Fonts

Layouts

Direction

Template Widths

px  %

px  %