Posto de combustível paralisa fornecimento por falta de combustpivel

Na manhã desta quinta-feira (26) que o transporte escolar em Carolina foi paralisado por falta de combustível para os veículos de supostas quatro empresas contratadas pelo governo do prefeito Erivelton Neves, da Renovação. A informação foi dada por um dos motoristas contratados. Segundo ele, o posto de combustível deixou de fornecer por falta de pagamento do contrato que mantém com a Prefeitura de Carolina.

Conforme o EXTRATO DA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 009/2019-SEMAFIPU/PMC, publicado no Diário Oficial (DOM) Nº 2087, do último dia 07 de maio, o combustível é de responsabilidade das empresas contratadas, o que contraria o fato do fornecimento de combustível ter sido paralisado por falta de pagamento por parte do prefeito.

Ainda segundo o motorista, que pede para não ser identificado, não há previsão de retorno do serviço essencial para a rede municipal de ensino. Os contratos com as empresas do transporte escolar foram assinados pelo secretário de Educação Ésio Lobá.

LEIA MAIS SOBRE O ASSUNTO: CAROLINA: Atraso de pagamento de motoristas denuncia farsa de contratos de R$ 8,2 milhões

Categories: CAROLINA