Município tem 07 casos suspeitos e 60 pessoas monitoradas

No último dia 28 de abril o secretário de Saúde, Leonardo de Sousa, a secretaria de Desenvolvimento Social, Franciane Nunes, assinaram contrato com a Bello Monte Distribuidora no valor de R$ 875.663,65 (oitocentos e setenta e cinco mil, seiscentos e sessenta e três reais e sessenta e cinco centavos), para aquisição de alimentos. Esse contrato vai contra o que a população tem notado diariamente durante a gestão do prefeito Erivelton Neves, da Renovação: falta de atendimento médico e de medicamentos e a transferência de pacientes para outras cidades por motivos não tão complicados para a medicina. Então, por que esse recurso não é utilizado para aquisição de medicamentos e equipamentos modernos para o tratamento da covid-19 e para outras enfermidades comuns no município e que têm a possibilidade de morte com a mesma intensidade.

Carolina com sete casos suspeitos de infecção por coronavírus e 60 casos monitorados, a fragilidade da Saúde tem deixado parte da população em pânico pela falta de esclarecimentos sobre a demora dos resultados de casos suspeitos em relação a municípios vizinhos. Casos têm sido descartados automaticamente pelo simples fato de ultrapassarem 14 dias e não apresentarem confirmações físicas da doença. Descartados sem resultado de exames.

O CIDADE EM AÇÃO questionou a Secretaria de Saúde por volta das 08 horas da manhã. Às 08 da noite ainda não obteve uma resposta sobre o contrato. A pergunta realizada foi: “Se diante do problema do covid-19 vcs estão aguardando recursos para ajudar no combate à doença, por que, então, a Saúde contratou R$ 875.663,65 em alimentos, mesmo com a redução do atendimento nas unidades de saúde? ”.

O contrato com a Bello Monte se assemelha ao contrato de aquisição de material esportivo para a Secretaria de Saúde no valor de R$ 480 mil, realizado em 2019, e que nunca explicado pelo prefeito. VEJA MAIS SOBRE ISSO!

NOTA DA REDAÇÃONão demora vermos o prefeito em fotos e vídeos fazendo caridade com frases eleitorais nas redes sociais. Não demora! Mas, outra pergunta fica sem respostas: Se a Saúde tem dinheiro para contratar uma empresa como a Bello Monte que nem endereço fixo tem, como não tem para comprar medicamentos?

BAIXE CÓPIA DO EXTRATO DO CONTRATO DA SAÚDE COM A BELLO MONTE:

Categories: CAROLINA