Comandantes esclarecem atividades principiais da Operação Pedro Teixeira III em Carolina

Na manhã desta terça (23), o comandante da 2ª Companhia de Policiamento de Carolina, capitão Rogélio, encontrou-se com o tenente coronel Suarez e com o capitão Pedro Ricardo, do Exército Brasileiro, responsáveis no município pela operação batizada de Pedro Teixeira III, com 1.200 homens e que tem como principal objetivo preparar a tropa para responder rapidamente a qualquer ameaça, como também treinamento direcionado para a atuação durante Eleições. A operação teve início nesta segunda (22) e segue até o dia 26 de julho.

Com coordenação geral em Araguaína (TO), a operação estar sendo realizada em outros municípios dos estados do Tocantins (Filadélfia, Palmeiras do Tocantins, Piraquê, Wanderlândia, Xambioá), Maranhão (Carolina, Estreito e Porto Franco) e Pará (Itaituba e em trechos da Ferrovia Carajás).

Paralelamente, a Operação de Adestramento em Operações de Garantia da Lei e da Ordem envolve todas as organizações militares subordinadas à 23ª Brigada de Infantaria de Selva. O objetivo é voltado para a segurança de estruturas estratégicas como a Pequena Central Hidrelétrica (PCH) de Lages, em Piraquê, e a Usina Hidrelétrica (UHE) de Estreito.

A operação visa ainda a garantia da votação e apuração, visualizando possível emprego das tropas nas eleições futuras. Os militares utilizarão variados tipos de transporte, que seguirão para os locais das operações via terrestre, por meio de rodovias e ferrovias, e via fluvial, pelos rios da região.

Conforme o capitão Rogélio, o Exército Brasileiro estará ainda, além do serviço social e das atividades de treinamento, auxiliando no patrulhamento da cidade.

Com informações de apoio do G1-TO

Capitão PM Rogélio, tenente coronel Suarez e o capitão Pedro Ricardo, do Exército Brasileiro | FOTO: 2ª Cia PM Carolina
Categories: CAROLINA