Gerente do BB promovia empréstimo à Prefeitura no momento da licitação da Folha dos servidores

Pela segunda vez no mês de dezembro, sem que o Aviso de Licitação fosse publicado, os bancos que operam no município de Carolina não apareceram para uma suposta abertura de envelopes com as propostas das instituições financeiras para operação dos serviços de processamento e gerenciamento de créditos provenientes da folha de pagamento dos servidores ativos e inativos, além dos pensionistas da Prefeitura de Carolina. A primeira da data marcada para a licitação foi no último dia 05 de dezembro. A segunda (27/12) foi exatamente no momento em que a gerente local do Banco do Brasil promovia o empréstimo de R$ 3,7 milhões para o prefeito Erivelton Neves, da Renovação, realizar uma suposta instalação de energia solar em prédios públicos – o que foi aprovado por unanimidade dos vereadores presentes à sessão extraordinária.

Não é estranho nem é a primeira que não é possível localizar o Aviso de Licitação de contratos milionários da atual gestão. Geralmente, é uma estratégia utilizada por quem quer fazer negociata com contratos públicos: não se avisa e assim se direciona quem será o vencedor de mais um negócio com os recursos de prefeituras.

Surpreende mesmo é o fato da gerente do Banco do Brasil ter dado preferência a conceder empréstimo de R$ 3,7 milhões à Prefeitura a estar presente na licitação da folha de pagamento dos servidores municipais, com a qual, se oferecesse a melhor proposta (caso o negócio fosse feito dentro da lei), poderia inclusive ter margem negociar e para receber o débito de aproximadamente R$ 290 mil, que declaradamente, tanto ela quanto o prefeito afirmaram existir, e que segundo a funcionária do Banco do Brasil somente com sua liquidação a instituição poderá liberar os recursos do empréstimo aprovado pela Câmara.

Mais surpreendentemente mesmo foi o fato de nossos representantes no Legislativo não terem tempo e ou capacidade para acompanhar o que se passa paralelo aos seus interesses políticos, levando-os a aprovarem o empréstimo para um inadimplente.

NOTA DA REDAÇÃO! Em respeito aos leitores que compreenderam o que vai acontecer em breve não iremos desenhar para os que ainda não sabem nem por onde começar a pensar!

LEIA TAMBÉM: CAROLINA: Oposição unânime em projeto que ela mesma disse ter encontrado falhas

Categories: OPINIÃO